Seguidores

sexta-feira, 17 de fevereiro de 2012

Os bebês de pais ateus estariam nascendo com cerca de 100.000 neurônios a mais, do que os seus avôs crentes?




No código genético dos seres atuais está registrado tudo o que aconteceu com os seus ancestrais, desde que eles se juntaram, se separaram ou acumularam as características que os tornaram o que atualmente são.

E embora as características mentais e as faculdades psicológicas dos místicos ainda sejam semelhantes às dos nossos antigos ancestrais, como prova de que a evolução humana estaria acontecendo de forma rápida, informamos que os bebês de pais ateus estão nascendo com cerca de 100.000 neurônios a mais, do que os seus avôs crentes.

A evolução humana surgiu em função de ter sido necessário superar dificuldades, dos humanos terem aptidão para aprender, sonhar, somar as suas descobertas, e terem se oposto às versões antigas. Até porque, a cultura humana é infinitamente mais variada do que a dos outros seres que existe ou já existiram. Como todas as espécies são forçadas a aprender e a acumular conhecimentos, com o passar do tempo e os mecanismos da convivência competitiva; alguma espécie teria fatalmente que se destacar. Teria que se tornar consciente do que o rodeia, acabaria sendo capaz de pensar matematicamente. E algum dia, terminaria questionando o sentido da vida.

__________________
Pergunta feita por Lisandro Hubris* no sítio Yahoo!Respostas.
 
Resposta dada por Bill.


* usuário excluída do Y!R

__________________


Clique para ampliar
Olá, Lisandro!

É mesmo? Pessoas geneticamente superiores?

Interessante.

Sabia que Hitler também pensava assim e a Ku Klux Klan, idem?

O próximo passo será queimar cruzes e criar campos de concentração?

Afinal, é isso que pessoas geneticamente superiores fazem, não é?

Abraços!

2 comentários:

  1. Essa observação científica é razoável, já que os chamados crentes cristãos são proibidos de raciocinar pelos seus lideres na sua grande maioria analfabetos... na idade media a igreja católica cristã, proibiu o povo de ler e pensar,,,o que provocou uma estagnação racional sensível na humanidade medieval!
    Na era moderna a religião evangélica levou a humanidade á um processo de retardamento mental...(o que segundo a teoria de Lamarck: A LEI USO E DESUSO–ou seja, se usa um objeto, no caso o cérebro, ele evolui...se não o usa ele atrofia...) incrível, devido à doutrinas e preceitos de homens...aos quais dizem...não toques não proves não manuseies; Col, 2. e refs...

    E como escreveu alguém aqui mesmo nesse blog...a religião embrutece as pessoas e as tornam ignorantes etc...

    shalom em yahshuah o único nome que salva!!

    ResponderExcluir